SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

quarta-feira, 28 de março de 2018

Já ouviu falar de “Paralelismo sintático e semântico”?


Paralelismo sintático e Paralelismo semântico

Vejamos as palavras do gramático Fernando Pestana acerca de paralelismo sintático: "O paralelismo sintático é um conceito que trata de um encadeamento ou de uma repetição de estruturas sintáticas semelhantes (termos ou orações), em uma sequência ou enumeração. Tal conceito está diretamente ligado ao conceito de coordenação. Termos coordenados entre si são aqueles que desempenham a mesma função sintática dentro do período. Orações coordenadas são aquelas sintaticamente semelhantes e independentes uma da outra. Normalmente há conectivos ligando tais termos ou orações.".

Exemplo de falta de paralelismo sintático:
 "A Universidade de Brasília (UnB) ocupa a décima posição, seguida pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)."

No exemplo acima, NÃO foi respeitado o paralelismo sintático, pois a construção preposição "por" + artigo (= pela) não se manteve após o conectivo "e". Assim, do ponto de vista gramatical, o correto seria: "A Universidade ... seguida pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).".

Agora, aprendamos um pouco sobre paralelismo semântico: trata-se de uma sequência de expressões harmoniosas no plano das ideias.

Exemplo de falta de paralelismo semântico: 
"Constitui alento a informação de que sete universidades brasileiras figuram entre as doze melhores da América Latina. Duas ocupam o pódio: em primeiro lugar, está a Universidade de São Paulo (USP); em segundo, a Escola de Ensino Fundamental José dos Palmares.".

No exemplo acima, NÃO foi respeitado o paralelismo semântico, pois o contexto deixa claro que o pódio citado deve ser ocupado por universidades, e não por escolas de nível fundamental!


 Dessa forma, do ponto de vista semântico, está errada a construção "Constitui alento a informação de que sete universidades brasileiras figuram entre as doze melhores da América Latina.Duas {universidades} ocupam o pódio: em primeiro lugar, está a Universidade de São Paulo (USP); em segundo, a Escola de Ensino Fundamental José dos Palmares."

1-A respeito das ideias e das estruturas linguísticas do texto II, julgue os itens subsecutivos.

No primeiro parágrafo, embora haja omissão de termos empregados anteriormente, foi mantido o paralelismo sintático-semântico no trecho.
  • C.(   )Certo
  • E.(   )Errado

Gabarito: certo

Resumo:


Paralelismo

Paralelismo é o nome que damos à organização de ideias e expressões de estrutura idêntica. Temos dois tipos de paralelismo: o sintático, relacionado aos termos de mesma estrutura sintática dentro de uma frase; o semântico, relacionado às ideias semelhantes dentro de uma frase.

Paralelismo Sintático

Exemplo de paralelismo sintático

A preservação do meio ambiente representa não só um dever de cidadania, mas tambéma sobrevivência do planeta.

Os termos não só e mas também vem para ligar dois fragmentos gramaticalmente semelhantes. É possível concluir, desta forma, que os conectivos tem papel fundamental no paralelismo sintático. A frase estaria incorreta se fosse colocada desta forma:


A preservação do meio ambiente representa não só um dever de cidadania e é para que o planeta sobreviva.
Paralelismo Semântico


Exemplo de paralelismo semântico

Marcos gosta de chocolate e de pipoca.

Gostar de chocolate e pipoca constituem uma frase com ideais coerentes. A situação, no entanto, fugiria do paralelismo semântico se fosse a seguinte:


Marcos gosta de chocolate e de jogar futebol.

Apesar de termos o paralelismo sintático, não temos o semântico. Gostar de chocolate e jogar futebol representam duas coisas diferentes, que não caberiam numa sequência semântica lógica.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...