SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

13 objetos vintage para aproveitar na decoração


Vintage is the new black! Cores lavadas, formas arredondadas (ou muito quadradas!) e um certo jogo de texturas... A decoração com clima do passado é uma das tendências do momento e, para além de móveis, objetos e acessórios analógicos ressurgem com novas funções. Aqui, Casa Vogue separou 13 ambientes com discos de vinil, telefones, câmeras, quadros e até máquina de escrever antigos para se inspirar, investir e, claro, incrementar os espaços com mais identidade.

Put the Record On


Os discos de vinil voltaram a protagonizar cenas de diversão e música nas salas de estar mais descoladas. Além da experiência sensorial única que um vinil proporciona, ele resgata um charme bem característico das residências dos anos 1970. Guardas tais itens em nichos e prateleiras é uma alternativa que traz efeito visual interessante ao cômodo. Clássico ou revisitado – a Crosley lançou algumas versões em formato de maletas com entrada AUX e USB –, o toca-discos é um complemento delicioso em qualquer ambiente.

Listen to the Radio


A evolução do rádio é uma coisa extraordinária. Existem aparelhos com os mais diversos tamanhos, materiais, texturas e funções que são capazes de combinar com qualquer cômodo. Os de madeira, pequenos e arredondados são minimalistas e combinam perfeitamente em ambientes total white.



De todos os itens, a máquina de escrever é um clássico na decoração vintage. Sem cair na obviedade do home office, coloque o objeto no quarto ou na sala de estar. O peso e as cores fazem do item um elemento chave em qualquer espaço que você o coloque. Complemente com livros interessantes, plantas e baús antigos.

Call Me Maybe



Assim como o rádio, o telefone também sofreu metamorfoses completas ao longo das décadas. Quanto mais diferente for dos modelos convencionais, melhor. O item, literalmente, fala por si só, além de remeter às tardes nas casas dos avós. Uma memória afetiva bem intrigante para qualquer espaço.

No More Flashes, Please



Seja de vídeo ou de foto, as câmeras são as queridinhas dos hipsters de plantão que, normalmente, costumam ter coleções extensas deste objeto. Se esse for o caso, vale colocá-los em prateleiras e, de imediato, farão o efeito de quadros. Quando isoladas, as câmeras podem complementar a decoração de um cômodo, fazendo um contraponto de sobriedade em locais coloridos, ou pincelando cor em espaços neutros.



Objetos que não funcionam mais podem sofrer uma verdadeira ressurreição operada pela criatividade. A TV, por exemplo, pode ter sua estrutura reaproveitada para montar um bar divertido e nada convencional na sala de estar. Descolado é pouco!




Direto dos anos 80, o neon ganhou novas formas e tamanhos (podendo até ser encomendado sob medida) e invadiu a casa. Além da funcionalidade de iluminar (claro), a peça resgata a estética enérgica da década, varrendo para longe qualquer sinal de monotonia. Não tenha medo de arriscar combinações de estampas nos estofados e cores vibrantes nas paredes.

Muitas vezes nos desfazemos de objetos que futuramente poderiam servir de decoração, como é o caso das maletas de couro. Tamanho, material e tonalidades (quanto mais desgastada melhor) imprimem personalidade nos acessórios que ganham a função de mesas de variados portes. Combine com objetos de madeira e quebre a sobriedade com cores pastel.

Não necessariamente antigas na data, mas certamente com estética vintage, as geladeiras retrô são excelentes contrapontos para a as cozinhas mais sóbrias. Opte pelas versões coloridas!




Quadros são objetos recorrentes nas mais variadas decorações. Mas, que tal investir em fotografias antigas, placas ou espelhos com sinais do tempo para preencher as paredes? O efeito é o mesmo das molduras tradicionais, contudo a atmosfera descontraída pode ser a pedida para um 2017 mais leve e sem caretices.

Perfume de Vó



O feminino também pode ser explorado dentro dos utilitários antigos. No universo da costura, por exemplo, são inúmeros os itens que você pode adquirir para o décor. A estrutura da clássica máquina de costura pode se tornar apoio para gabinetes de banheiro ou mesas em geral. Se quiser algo menos estrutural, opte pelos manequins como complementos em cantos vazios e sem vida.
Como uma rainha



Banheiras com pés divertidos trazem o universo retrô para a área íntima. As versões clássicas, brancas e com estética imperial elevam qualquer banho a um patamar digno de relaxamento, sem perder o estilo.
Guarde Seus Segredos


Se tudo isso lhe parece um tanto quanto descontraído demais, as cômodas podem ser a entrada para o universo do novo-encontra-o-velho. Procure as versões de madeira, com pés arredondados e portas de correr. Servem tanto para os banheiros quanto para a sala de estar e/ou jantar. Essa última ainda garante espaço para dispor as bebidas e vasos.

Fonte: CASA VOGUE

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...