SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

MIMFOBIA - Millôr Fernandes


"Eu sofro de mimfobia, 
eu tenho medo de mim mesmo e me enfrento todo dia."

Millôr Fernandes



"Compaixão é fortaleza!"







Cansaço - Hannah Arendt


Cansaço

Tarde caindo —
Um suave lamento
soa nos pios dos pássaros
que convoquei.

Muros cinzentos
desmoronam.
Minhas próprias mãos
encontram-se novamente.

O que amei
não posso manter.
O que me cerca
não posso deixar.

Tudo declina
enquanto cresce a escuridão.
Não me domina —
deve ser o curso da vida.

(Cansaço foi escrito quando Hannah Arendt tinha 17 anos)

Você merece por Lígia Guerra


Dialogue, troque, capriche na escuta e insista em compreender tudo que lhe parece confuso. Mas não insista naquilo que não tem eco, que ensurdece diante da sua súplica ou que se cala indiferente diante do seu lamento, do seu pedido de colo e de alento.

Você merece olho no olho, coração pulsando e pulando de alegrias acolhidas e amadas. Não viva 'meio fôlego'. Perca a respiração por inteiro! Mergulhe no melhor beijo e se perca entre as marés de uma alma que colide com a sua essência. O resto é engano. Autoengano.

- Lígia Guerra -

Síndrome do Impostor: será que você sofre com ela?


A síndrome do impostor é um transtorno emocional que não permite que a pessoa se sinta merecedora daquilo que conquista. O curioso é que ela acomete pessoas muito bem sucedidas! Você já se sentiu inseguro diante de algum sucesso? Você não consegue absorver o mérito do seu esforço?

Saiba que tem muitas outras pessoas sofrendo com esse dano emocional. Assista ao conteúdo e identifique de que forma você pode ajudar a si mesmo. Você merece!

*Lígia Guerra*

  

Participe conosco! Imperdível! Dia 27 de novembro às 9h, Chequer Jorge.


A arte, um dos grandes valores da vida...


A arte, um dos grandes valores da vida, deve ensinar aos homens: humildade, tolerância, sabedoria e magnanimidade.

W. Somerset Maugham

É PRECISO SABER A HORA DE SAIR DE CENA


"O momento certo de se retirar do emprego, de casa, de uma relação, equivale a salvar vidas: a nossa e a de quem se beneficia também. Ter a consciência de que é chegada a hora de partir para outras paragens será um dos maiores bens que poderemos fazer a nós mesmos e a quem amamos de fato. Estender-se além do permitido, além do que já saturou e deu o que tinha que dar, em nada nos ajudará.

Há pessoas que se recusam a se aposentar, agarrando-se ao serviço como algo sem o qual não se vive. Outros se aposentam, mas continuam na lida. Embora alguns ainda consigam se manter inteiros por anos e anos, muitos acabam por comprometer uma imagem que, até ali, era imaculada. Perdem-se por bobeira, por simplesmente não querer desfrutar de um descanso mais do que merecido. Mal sabem o tanto de vida que existe além dos escritórios.

Da mesma forma, existem os relutantes em aceitar que o relacionamento terminou, que a amizade extinguiu, que nada mais há a ser regado por ali, além de terrenos infecundos. A pouco e pouco, distanciam-se da própria dignidade, na luta vã por continuar namorando, casado, amigo que seja, quando não se encontram mais possibilidades de florescer afetividade naquele lugar.

E há quem não se permite desistir de nada nem de ninguém, como se alguma coisa ou pessoa nesse mundo fosse propriedade de outrem. Sentem-se donos do que, na verdade, a vida nos empresta, para que aprendamos que o aquilo é nosso de fato é tão somente o que possuímos aqui dentro de nossos corações, nada mais do que isso. Pessoas e coisas saem de nossas vidas, mas a essência do que foi verdadeiro jamais se despedirá de nossas almas.

A passagem do tempo carrega consigo muito do que achávamos ser eterno e imutável, obrigando-nos a nos despedir de muito daquilo que relutávamos em deixar para trás. Mas não tem jeito, o que tiver de ser, será; o que tiver que ir, vai-se; o que for para sempre, há de permanecer, mesmo que nas nossas mais doces lembranças. É preciso saber a hora de sair de cena, no palco e na vida. É assim que tudo de bom se eterniza onde existiu verdade e amor."


© obvious: http://obviousmag.org/pensando_nessa_gente_da_vida/2017/e-preciso-saber-a-hora-de-sair-de-cena.html#ixzz4zN6eqgth

Pensamento do dia: é somente para esta vida que temos esperança em Cristo?


"Se é somente para esta vida que temos esperança em Cristo,
 dentre todos os homens somos os mais dignos de compaixão."
1 Coríntios 15:19

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Feliz dia de Ação de Graças!



Aqui no Brasil, nós não temos a tradição de comemorar o Dia de Ação de Graças. Nos Estados Unidos, a data é muito celebrada! Afinal, a origem do dia vem dos festivais de agradecimento a Deus que ocorriam para comemorar sucesso nas colheitas durante o ano. Por isso, a festa acontece durante o outono, quando a colheita já havia chegado ao fim.

Foto: Shutterstock.com

Mesmo não sendo uma festa nossa, podemos aproveitar a data para agradecer por tudo que conquistamos durante o ano, certo? Apesar de todo mundo ter problemas, apostamos que você também teve muitos motivos para sorrir, certo?

Agradeça por sua saúde, família, mesmo que ela seja diferente do padrão e por ter amigos! 


Feliz dia de Ação de Graças!

A ARTE ABRAÇA A SOLIDARIEDADE ATRAVÉS DA NOITE ÚNICO EM ITAPERUNA!








"Se temos de esperar,

que seja para colher a semente boa que lançamos hoje no solo da vida. 


Se for para semear, 
Então, que seja para produzir milhões de sorrisos de solidariedade e amizade." 

Cora Coralina



A arte abraça a solidariedade. 

Desta vez, a ação solidária da Noite Único beneficiou várias instituições itaperunenses com suas ações.

Porém os maiores contemplados foram alunos, professores e gestores do Sistema Educacional Único, pois constataram que ao fazer o bem foram preenchidos de satisfação plena por cumprir a maior de todas as artes que é amar o próximo.

O projeto Noite Único exala a Arte de Viver, e trouxe imensa alegria por ter contribuído com instituições que auxiliam crianças, idosos e famílias em situação de vulnerabilidade social, às quais foram contempladas com a doação de alimentos não perecíveis e incessantes visitas.

A importância das mobilizações sociais para o amparo dos mais necessitados, trouxe-nos a satisfação em poder ajudar a todos, e é essa a recompensa do projeto. Saber que vamos ajudar a amenizar o sofrimento de muitas pessoas que não têm outra fonte de renda ou amparo social é o que uniu nosso sistema de colaboradores (alunos, pais, professores e gestores) para abraçar a causa.



















A família Único finaliza esse projeto com a certeza de que quando promovemos a união, a vida pode ser melhor. 

Obrigada a todos que abraçaram as ações!        Que possamos Celebrar as vitórias de 2017 e projetar um 2018 ainda mais solidário. 

Vivendo em comunhão com a vida e com o próximo! 
Abraços solidários.





PARABÉNS COM LOUVOR!

Pensamento do dia: ações de graças



"Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco."

1 Tessalonicenses 5:18



quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Era Uma Vez - Kell Smith


Era uma vez
O dia em que todo dia era bom
Delicioso gosto e o bom gosto das nuvens
Serem feitas de algodão
Dava pra ser herói no mesmo dia
Em que escolhia ser vilão
E acabava tudo em lanche
Um banho quente e talvez um arranhão
Dava pra ver, a ingenuidade a inocência
Cantando no tom
Milhões de mundos e os universos tão reais
Quanto a nossa imaginação
Bastava um colo, um carinho
E o remédio era beijo e proteção
Tudo voltava a ser novo no outro dia
Sem muita preocupação

É que a gente quer crescer
E quando cresce quer voltar ao início
Porque um joelho ralado
Dói bem menos que um coração partido
É que a gente quer crescer
E quando cresce quer voltar ao início
Porque um joelho ralado
Dói bem menos que um coração partido

Dá pra viver
Mesmo depois de descobrir que o mundo ficou mau
É só não permitir que a maldade do mundo
Te pareça normal
Pra não perder a magia de acreditar na felicidade real
E entender que ela mora no caminho e não no final
É que a gente quer crescer
E quando cresce quer voltar ao início
Porque um joelho ralado
Dói bem menos que um coração partido
É que a gente quer crescer
E quando cresce quer voltar ao início
Porque um joelho ralado
Dói bem menos que um coração partido

Era uma vez


EXERCÍCIOS DE CONCORDÂNCIA


1. (IBGE) Indique a opção correta, no que se refere à concordância verbal, de acordo com a norma culta:
a) Haviam muitos candidatos esperando a hora da prova.
b) Choveu pedaços de granizo na serra gaúcha.
c) Faz muitos anos que a equipe do IBGE não vem aqui.
d) Bateu três horas quando o entrevistador chegou.
e) Fui eu que abriu a porta para o agente do censo.

2. (IBGE) Assinale a frase em que há erro de concordância verbal:
a) Um ou outro escravo conseguiu a liberdade.
b) Não poderia haver dúvidas sobre a necessidade da imigração.
c) Faz mais de cem anos que a Lei Áurea foi assinada.
d) Deve existir problemas nos seus documentos.
e) Choveram papéis picados nos comícios.

3. (IBGE) Assinale a opção em que há concordância inadequada:
a) A maioria dos estudiosos acha difícil uma solução para o problema.
b) A maioria dos conflitos foram resolvidos.
c) Deve haver bons motivos para a sua recusa.
d) De casa à escola é três quilômetros.
e) Nem uma nem outra questão é difícil.

4. (CESGRANRIO) Há erro de concordância em:
a) atos e coisas más
b) dificuldades e obstáculo intransponível
c) cercas e trilhos abandonados
d) fazendas e engenho prósperas

5. (MACK) Indique a alternativa em que há erro:
a) Os fatos falam por si sós.
b) A casa estava meio desleixada.
c) Os livros estão custando cada vez mais caro.
d) Seus apartes eram sempre o mais pertinentes possíveis.
e) Era a mim mesma que ele se referia, disse a moça.

6. (UF-PR) Enumere a segunda coluna pela primeira (adjetivo posposto):
(1) velhos
(2) velhas

( ) camisa e calça …………
( ) chapéu e calça …………
( ) calça e chapéu …………
( ) chapéu e paletó ………..
( ) chapéu e camisa ……….
a) 1 – 2 – 1 – 1 – 2
b) 2 – 2 – 1 – 1 – 2
c) 2 – 1 – 1 – 1 – 1
d) 1 – 2 – 2 – 2 – 2
e) 2 – 1 – 1 – 1 – 2

7. (UF-FLUMINENSE) Assinale a frase que encerra um erro de concordância nominal:
a) Estavam abandonadas a casa, o templo e a vila.
b) Ela chegou com o rosto e as mãos feridas.
c) Decorrido um ano e alguns meses, lá voltamos.
d) Decorridos um ano e alguns meses, lá voltamos.
e) Ela comprou dois vestidos cinza.

8. (BB) Verbo deve ir para o plural:
a) Organizou-se em grupos de quatro.
b) Atendeu-se a todos os clientes.
c) Faltava um banco e uma cadeira.
d) Pintou-se as paredes de verde.
e) Já faz mais de dez anos que o vi.

9. (BB) Verbo certo no singular:
a) Procurou-se as mesmas pessoas
b) Registrou-se os processos
c) Respondeu-se aos questionários
d) Ouviu-se os últimos comentários
e) Somou-se as parcelas

10. (BB) Opção correta:
a) Há de ser corrigidos os erros
b) Hão de ser corrigidos os erros
c) Hão de serem corrigidos os erros
d) Há de ser corrigidos os erros
e) Há de serem corrigidos os erros

10 EXERCÍCIOS DE CONCORDÂNCIA E CRASE VUNESP


1. (VUNESP – SAP-SP – Oficial Administrativo) Assinale a alternativa em que a frase – Para achar comida nesses labirintos… É preciso inteligência… E bons dentes! – está reescrita corretamente, no que se refere à concordância.
Para achar comida nesses labirintos,

a) são necessários inteligência e bons dentes.
b) é necessário muita inteligência e bons dentes.
c) é necessária ter inteligência e bons dentes.
d) são necessárias inteligência e bons dentes.
e) são necessário inteligência e bons dentes.

2. (VUNESP – SAP-SP – Oficial Administrativo) A Polícia Civil apreendeu 415,4 quilos de crack __________ em uma casa na Avenida Salim Farah Maluf. No local, também __________ dois quilos de maconha. Um homem de 28 anos e um adolescente de 17 __________ .

a) escondidos … havia … foram detidos
b) escondido … havia … foram detido
c) escondidos … haviam … foi detido
d) escondido … haviam … foram detidos
e) escondidos … havia … foram detido

3. (VUNESP  – TJ-SP – Escrevente Técnico Judiciário) Assinale a alternativa em que a concordância verbal está correta.

a) Haviam cooperativas de catadores na cidade de São Paulo.
b) O lixo de casas e condomínios vão para aterros.
c) O tratamento e a destinação corretos do lixo evitaria que 35% deles fosse despejado em aterros.
d) Fazem dois anos que a prefeitura adia a questão do lixo.
e) Somos nós quem paga a conta pelo descaso com a coleta de lixo.

4. (VUNESP – TJ-SP – Escrevente Técnico Judiciário) Assinale a alternativa que completa, correta e respectivamente, as lacunas do trecho.

_____________ 103 toneladas de lixo reciclável diariamente.
_____________ 16 centrais de triagem em São Paulo.

a) Coleta-se. Têm-se
b) Coleta-se. Hoje tem
c) Coletam-se. Existe
d) Coleta-se. São
e) Coletam-se. Hoje existem

5. (VUNESP –  TJ-SP – Escrevente Técnico Judiciário) Assinale a alternativa correta quanto à concordância verbal.

a) Começaram as investigações pelas ações do jovem soldado.
b) Um jovem soldado e a WikiLeaks divulgou informações secretas.
c) Mais de um relatório diplomático vazaram na internet.
d) Repartições, investimentos, pessoas, nada impediram o jovem soldado.
e) Os telegramas relacionados com o Brasil foi, para o ministro Jobim, muito negativos.

6. (VUNESP –  SAP-SP – Oficial Administrativo) Assinale a frase em que o acento indicador de crase está empregado corretamente.

a) Vendemos CDs à partir de R$ 10.
b) Todos nossos produtos podem ser comprados à prazo.
c) Você será encaminhado à um de nossos gerentes.
d) As peças do mostruário também estão à venda.
e) Você está convidado à conhecer nosso setor de eletrodomésticos.

7. (VUNESP - TJ-SP – Escrevente Técnico Judiciário) Assinale a alternativa correta quanto ao uso do acento indicativo da crase.

a) Os catadores andam à pé e coletam lixo reciclável pelas ruas da cidade.
b) O lixo reciclável é destinado à aterros sanitários em municípios vizinhos.
c) Os especialistas estão à procura de soluções para o tratamento do lixo.
d) A prefeitura tem muito à fazer antes de implantar a coleta seletiva do lixo.
e) A notícia do lixo em São Paulo chegou à Vossa Excelência pelo jornal.

8. (VUNESP – TJ-SP – Escrevente Técnico Judiciário) Assinale a alternativa que completa, correta e respectivamente, as lacunas das frases.
_______ situações insustentáveis do lixo na capital. Esse problema chega ____ autoridades que deverão tomar _____ providências cabíveis.

a) As . as . as
b) Há . às . as
c) Há . as . às
d) Às . as . às
e) As . hás . as

9. (VUNESP  – Agente Administrativo) Assinale a alternativa correta quanto ao uso do acento indicativo da crase.

a) Sei que é mulher de um ator chamado Tom Cruise, de quem também só assisti à um filme: “De Olhos Bem Fechados”.
b) Os ortopedistas alertam quando os saltos altos não são adequados à uma estrutura óssea em formação.
c) Os ortopedistas observam que a estrutura óssea em formação só se completará à partir dos 12 ou 13 anos.
d) O problema não se limita às crianças de Hollywood ou àquelas de pais famosos.
e) Estamos gerando crianças-adultos, que dificilmente chegarão à viver a maturidade.

10. (Prova: VUNESP  – TJ-SP – Escrevente Técnico Judiciário).


A Fúria se rende _____ vuvuzelas.
Caim é o último livro de José Saramago, que morreu_____ uma semana.
Sujeito _____ crises de humor, ele não vive em paz.

As vizinhas do andar de cima? Não _____vejo faz tempo.

a) às . há . às . as
b) as . há . as . às
c) às . a . as . às
d) às . a . às . as
e) as . há . às . as

Conheça 12 artistas que lideram a cena de arte contemporânea na África




Notes Towards a Model Opera de William Kentridge

“Quis mostrar a criatividade pura deles, sem a interferência de um ensino formal de escola de arte ou museu”, explica o colecionador no catálogo da exposição Les Initiés ao explicar como escolheu as obras expostas na fundação Louis Vuitton entre as mais de 10 mil peças de seu acervo.  Abaixo, doze nomes que você precisa conhecer já!

Romuald Hazoumè

1. Romuald Hazoumè, Benim

Romuald Hazoumè tem forte conexão com o povo e cultura Iorubá (grupo étnico do oeste da África) na qual as máscaras são protagonistas. Com pequenos gestos – posicionando ou adicionando um ou dois elementos – revela rostos e quebra convenções de conhecimentos ancestrais. As sagradas máscaras ganham ar contemporâneo no melhor estilo ready-made quando ele usa objetos de seu cotidiano como cordas, funis e galões – fazem referência ao transporte ilegal de petróleo da Nigéria e denuncia o perigo deste sistema lucrativo para a população.
Há, ainda, uma critica ao lixo que estamos produzindo e depositando no planeta. Hazoumè é também conhecido pela obra La Bouche du Roi na qual usou os mesmos galões e outros materiais reciclados para reproduzir o Brookes – um navio ingles que transportava escravos no séc. 18.
Chéri Samba

2. Chéri Samba, República do Congo

Fã de artistas da pintura popular como Camille-Pierre Pambu Bodo, Chéri Cherin e Moké, Chéri Samba deixa a sua marca ao inserir textos nas telas em francês e lingala – idiomas de seu país. Inspirado pelo dia a dia, Samba aponta para questões ecológicas, para as consequências do terrorismo, para a corrupção dos políticos, para o problema da AIDS na África e para o reconhecimento da arte africana.
Em Enfin!...Àpres tant d´années, por exemplo, ele retrata uma exposição com obras de Picasso e Magritte ao lado de obras de artistas africanos – incluindo uma do próprio Samba. Com estilo figurativo, direto, bem humorado e provocativo, ele retrata com audácia uma turbulenta, agitada e resolutamente África contemporânea.
Malick Sidibé
Malick Sidibé

3. Malick Sidibé, Mali

“Com essa documentação quero mostrar a alegria e inocência da juventude africana”, disse Malick Sidibé. Conhecido pelos retratos que pesquisam a cultura popular de Bamako nos anos 1960, Sidibé nos mostra uma África alucinada e feliz com todas as promessas e possibilidades pós-independência. Apesar de sair das ruas e dedicar aos retratos em estúdio na década seguinte, Sidibé é reconhecido por capturar a evolução da moda, estilo de vida e desejo de emancipação dos anos 1960 e 1970. Foi o primeiro artista africano a ganhar o Leão de Ouro em Veneza em 2007.
Frédéric Bruly Bouabré
Frédéric Bruly Bouabré

4. Frédéric Bruly Bouabré, Costa do Marfim

Pensador, filósofo, pesquisador, contador de histórias, historiador, poeta, artista, Frédéric Bruly Bouabré trabalhou em todos os campos das artes.
Os desenhos, resultado de uma “visão divina” em 1948, incluem milhões de figuras combinadas com escritos.
Bouabré dizia estar construindo uma “enciclopédia da sabedoria do mundo”, composta por “cartas” que registram conhecimentos, sinais, pistas, pensamentos e imagens que apareceram para o artista, para unir a humanidade. Declarava estar apenas escutando a natureza – pois “já está tudo lá” – para traduz sonhos, mitos e conhecimentos científicos com poesia e significado simbólico.
Em Museu da face africana, sua série mais famosa,o artista faz um inventário de diferentes rostos e partes do corpo revelando as diferentes identidades do homem e sua relação com a família e território. Ele também chegou a escrever centenas de cartas onde transcrevia as tradições orais de seu povo.
Seydou Keïta
Seydou Keïta
Seydou Keïta


5. Seydou Keïta, Mali

Considerado um dos maiores fotógrafos da primeira metade do século 20, Seydou Keïta é autor de um testemunho excepcional da sociedade malinesa uma importante transição social: fotografa desde o fim da Segunda Guerra até a independência no início dos anos 1960.
Maestria no enquadramento e inventividade das poses somados aos cenários com tecidos decorativos gráficos e extravagantes garantem um ar sublime de seu personagens – que podem aparecer sozinhos, em casal, em família ou com amigos. Carros, motos, bicicletas ou rádios também podem aparecer para compor as cenas e ajudam a expressar a posição social dos modelos ou sua personalidade.
As inovações estilísticas, a atitude dos personagens, as roupas e as impressões com motivos africanos ao fundo dão a estas imagens uma força que influencia artistas até hoje.
J. D. 'Okhai Ojeikere
J. D. 'Okhai Ojeikere

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...