SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Pensamento do dia:não deixarei de lhes fazer o bem.



Jeremias 32.38-41 declara:

"Eles serão o meu povo, e eu serei o seu Deus. 39 Dar-lhes-ei um só coração e um só caminho, para que me temam todos os dias, para seu bem e bem de seus filhos. 40 Farei com eles aliança eterna, segundo a qual não deixarei de lhes fazer o bem, e porei o meu temor no seu coração, para que nunca se apartem de mim. 41 Alegrar-me-ei por causa deles e lhes farei bem, plantá-los-ei firmemente nesta terra, de todo o meu coração, e de toda minha alma."

Quatro promessas da graça soberana e sustentadora

Note quatro promessas da graça soberana e sustentadora

1. Deus será nosso Deus

Deus promete ser nosso Deus. O versículo 38: "Eles serão o meu povo, e eu serei o seu Deus". Todas as promessas para o seu povo são resumidas nisto: "Eu serei o seu Deus". Isto é, usarei tudo que sou como Deus - toda minha sabedoria, todo meu poder e todo meu amor - para contemplar que vocês permaneçam como meu povo. Tudo que sou como Deus, eu exerço para o bem de vocês.

2. Deus promete mudar nossos corações

Deus promete mudar nossos corações e nos fazer amá-lo e temê-lo. O versículo 39: "Dar-lhes-ei um só coração e um só caminho, para que me temam todos os dias... (v. 40b) e porei o meu temor no seu coração". Expressando de outro modo, Deus não vai simplesmente ficar parado para ver se nós, pelos nossos próprios recursos, temeremos a Ele; Deus, por sua soberania, supremacia e misericórdia, nos concede o coração que precisamos e nos dá a fé e o temor de Deus, que nos levará ao céu. Isto é graça soberana e sustentadora. (veja Deuteronômio 30.6; Ezequiel 11.19, 20; 36.27).

3. Deus promete que não nos afastaremos dele

Deus promete que Ele não se afastará de nós e não nos afastaremos dele. O versículo 40: Farei com eles aliança eterna, segundo a qual não deixarei de lhes fazer o bem, e porei o meu temor no seu coração, para que nunca se apartem de mim. Em outras palavras, a ação do coração de Deus é tão poderosa que Ele garante que não nos apartaremos dele. Isto que é a novidade sobre o novo pacto: a promessa de Deus de cumprir, pelo seu poder, as condições que devemos satisfazer. Precisamos temê-lo, amá-lo e confiar nele. E Deus declara que verá isto acontecer. "Porei o meu temor no seu coração" - não para ver o que eles farão com este temor, mas de tal forma que "eles não se apartarão de mim". Isto é graça soberana e sustentadora.

4. Deus promete realizar isto com intensidade infinita

Finalmente, Deus promete realizar isto com a maior intensidade imaginável. Ele expressa isto de duas formas, uma no começo e outra no final do versículo 41: "Alegrar-me-ei por causa deles e lhes farei bem, plantá-los-ei firmemente nesta terra, de todo o meu coração, e de toda minha alma". Primeiramente ele afirma que exercerá esta graça soberana e sustentadora com alegria: "Alegrar-me-ei por causa deles e lhes farei bem". Em seguida, Ele diz (no final do versículo 41) que exercerá sua graça soberana e sustentadora "de todo o meu coração e de toda minha alma".


http://www.ministeriofiel.com.br/artigos/detalhes/310/A_Soberania_de_Deus

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...