SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Pensamento do dia: “O coração ansioso deprime o homem..."


Provérbios 12.25

“O coração ansioso deprime o homem,
 mas uma palavra bondosa o anima.” 

(Pv 12.25 NVI)


A década passada foi marcada pelo crescimento exorbitante de casos de estresse. A humanidade entrou em uma corrida contra tudo e acabou deixando sua saúde chegar em segundo lugar. Nossa década é marcada por outra desordem: a “depressão”. Uma geração desanimada, frustrada, desencorajada e, pior, drogada, dependente de medicações fortes para manterem o ânimo, a coragem e o bom humor. Mas, por que isso ocorre?

Salomão tinha essa resposta quase um milênio antes de Cristo. Ele conhecia o fator etiológico que “deprime o homem”. Apesar de haver casos em que isso é resultado de um desequilíbrio químico e hormonal do corpo, na maioria dos casos o fator que causa depressão nas pessoas é “o coração ansioso”. O problema é quase sempre o mesmo, mas as razões da ansiedade são diversas. Podem se tratar de medo do futuro, temor da criminalidade, frustração no casamento, problemas com os filhos, dificuldades no trabalho, problemas financeiros e relacionamentos turbulentos. Essa ansiedade, que obviamente não é tratada pela Palavra de Deus e pela confiança no Senhor, é capaz de derrubar qualquer um. Nesse caso, medicações fortes agem como a bebida para os ébrios: um modo de fugir da decepção.

Entretanto, o “doutor” Salomão oferece também o tratamento para esse mal. Não são remédios de tarja preta, mas “uma palavra bondosa”. Segundo esse médico da alma, a palavra bondosa “anima” o deprimido. Por isso, as Escrituras nos ensinam a fazer exortações, ou seja, nos encorajar mutuamente (Hb 3.13). Ela ensina como tais exortações fortalecem os discípulos de Cristo (At 20.2). Aqueles que atravessam maus momentos também devem ser sábios e buscar ajuda devida entre o povo de Deus a fim de ser lembrado das verdades eternas e ser encorajado a continuar ombro a ombro com pessoas que realmente se importam com ela e não com seus recursos financeiros. No final, o melhor tratamento para depressão é gratuito e não deixa os sentidos entorpecidos.

Pr. Thomas Tronco

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...