SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

domingo, 3 de maio de 2015

“Céu de Histórias”, lindo projeto de leitura através de pipas! Venha conosco nesta aventura!



O Instituto Pró-Livro (IPL) e a agência Salles Chemistri promovem a campanha “Céu de Histórias”, que divulga contos de grandes nomes da literatura para crianças de forma lúdica e inovadora:
 por meio de pipas.

Foram distribuídas 500 pipas na comunidade Santa Marta, no Rio de Janeiro com contos e fragmentos de obras de importantes autores nacionais, como o escritor e cartunista Ziraldo, o novelista Benedito Ruy Barbosa, e os escritores Pedro Bandeira, Ana Maria Machado, Roseana Murray, Silvia Orthof e Leo Cunha.


As pipas invadiram e coloriram o céu da comunidade, estimulando as crianças a pegarem as que tinham suas linhas cortadas para que tivessem a chance de ler as histórias que elas traziam.

É possível imprimir a sua própria pipa, conhecer todos os textos e as ilustrações divulgadas e apoiar a ação.

“A pipa é um dos principais passatempos das crianças em comunidades de baixa renda. Nossa ideia foi trazer histórias para serem lidas em pipas empinadas por diversas dessas crianças, incentivando a leitura e despertando uma representação positiva e prazerosa em relação ao livro e a literatura”, comenta Antonio Luis Rios, presidente do IPL.

Leitura no Brasil

A pesquisa "Retratos da Leitura no Brasil", desenvolvida pelo instituto Pró-Livro revela que 88% dos leitores informaram que ganhar livros foi importante para despertar o gosto pela leitura, enquanto 87% dos não leitores afirmaram que nunca ganharam um livro. Toda a ação voltada a despertar o interesse pela leitura de literatura e valorizar o livro são importantes para reverter os baixos índices de leitura do brasileiro. Segundo a pesquisa, que tem as crianças leem principalmente para cumprir uma exigência escolar. Na faixa etária de 5 a 13 anos leu-se em média, em um período de três meses, 3.2 livros. Destes 2.4 foram indicados pela escola.

O estado do Rio de Janeiro chama a atenção nessa pesquisa. A cidade está compreendida na região sudeste do Brasil que, apesar de ter o maior público consumidor editorial do Brasil, tem a menor concentração de leitores na faixa entre 5 a 10 anos e de 11 a 13 anos.



Fonte: Catraca Livre

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...