SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

segunda-feira, 8 de julho de 2013

O TRIBARTE com saudades homenageia Nemi Murad, grande homem que fez diferença em nossa família!



Dizem que homenagem se faz para quem está vivo, mas o que vou escrever obtive oportunidade para falar em vida com este grande homem chamado Nemi Murad.

Que nos ajudou de forma plena em nossa trajetória, principalmente depois da morte de nosso pai.
Com certeza fez o que podia  a todos que nortearam seu caminho, sejam bichos ou humanos.
Ele se vai, mas seu exemplo de solidariedade fica marcado em nós.


Impedidos de estarmos juntos nesse momento difícil queremos mesmo de longe deixar registrado toda a nossa  gratidão por sua vida e também pela família que  nunca se esquivaram de nós.

Que Deus os abençoe poderosamente, tia Cirene, Rodrigo, Leandro, Marlene e demais familiares.

A mensagem abaixo foi escolhida por Carolina Claussen, sabemos que palavras não consolam, mas nesse instante é a única forma de nos expressarmos.

"Conforto"
I Ts. 4. 13-18.

O nosso Senhor pode impedir que seus filhos fiquem doentes ou sofram.
Também pode curar, ou poupar-nos de tristezas e dar-nos uma vida de saúde e de tranquilidade.
Porém, o Senhor age como lhe apraz.
Ele é Soberano e tem o direito de proceder segundo o Seu querer divino.
Há lições que precisamos aprender através da tragédia que nos abala,
das enfermidades que nos assolam ou mesmo do luto que nos entristece e fragiliza.
O amor do Senhor nos ensina por meio de sofrimento e disciplina.
O Senhor ama a cada um dos seus filhos, mas sabe que o sofrimento
e a dor fazem parte da sua educação para os tornarem fortes e irresistíveis.
O sofrimento pode ensinar-nos muitas coisas.
O sofrimento pode conduzir-nos para mais perto do Senhor.
Os sofrimentos revelam o caráter do Senhor.
(Jo.11.4,40)
Quando sepultamos os corpos dos nossos entes queridos que morrem no Senhor,
fazemos isto tendo a certeza absoluta de que a morte não é o fim.
Os nossos sofrimentos, pesares e tristezas podem resultar na 
manifestação do poder de Deus.
Davi nunca teria conhecido o refúgio dos braços do Senhor
se não tivesse sido um fugitivo.
A fé de Abraão nunca teria ficado forte se não tivesse sido provado.
Os três amigos de Daniel nunca teriam conhecido a presença, poder e o livramento do Senhor
se não tivessem sido atirados para dentro da fornalha aquecida vezes mais que o normal.
O vento de adversidade traz a nós revelações preciosas do Senhor.
Descobrirmos que é o Amigo mais leal, um Salvador sempre presente
e um Consolador que sabe apaziguar os tremores 
e temores dos nossos corações.
Muitas experiências dolorosas desta vida servem para aumentar a nossa fé
no Salvador, torná-lo mais forte e arraigada.
Em momentos difíceis precisamos confiar no Senhor,
apegar-nos à Palavra fiel e não permitir que o diabo solape a nossa confiança.
E bom lembrarmos que nada,
nem mesmo a morte poderá nos separar do amor de Deus.
(Rm.8.38-39)
É natural que o cristão se entristeça, fique comovido ou até chore quando um ente querido morre.
O Senhor Jesus chorou e Ele entende as nossas emoções e sentimentos.
Não é fraqueza humana chorar a morte de um ente querido.
O Senhor para vencer aquele que tinha o império da morte teve que morrer,
mas ressuscitou porque Ele é a vida!
"Assim como ordenou a Lázaro no túmulo:
"Sai para fora", um dia todos os mortos ouvirão a voz do Filho de Deus e viverão.
"Disse-lhe Jesus:
Eu sou a ressurreição e a vida!"
Ele é a ressurreição para aqueles que morreram.
A ressurreição da bem-aventurança a primeira ressurreição, não é para todos os mortos.
O Senhor disse:
"Quem crê em Mim, ainda que morra, viverá!"
Quando o Senhor Jesus voltar aos ares os que morrerem sem Cristo, como Salvador não serão ressuscitados,
mas permanecerão no sepulcro por mais algum tempo.
O corpo do cristão morre, mas Cristo há de ressuscitá-lo.
Quando o Senhor Jesus voltar aos ares, nós os vivos, não morreremos, 
mas seremos transformados.
O Senhor consola os corações enlutados, dizendo que Ele é a ressurreição e a vida,
que os nossos entes queridos que partiram,
hão de ressurgir e nós veremos a Glória do Senhor.
Amém!

Obs.: Minha mãe está muito triste, mas com esperança de um encontro na eternidade, pois tio Nemi foi uma das pessoas que mais ajudaram-na nesta vida.

Com saudades, Aline Carla Rodrigues.


Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...