SEJA BEM-VINDO!

A ARTE RENOVA O OLHAR!

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

VIDA FEITA DA ARTE DE SER SOLIDÁRIA, ZILDA ARNS.



"Em frente e não esqueçam / Onde está a nossa força! /Na fome e na fartura /Em frente e não esqueçam /A Solidariedade". A Cançaõ da Solidariedade ("Solidaritätslied") foi composta por Bertolt Brecht e Hanns Eisler para o filme "Kuhle Wampe" (1931).

É o relato da vida de uma familia alemã em plena crise econômica. Pai e filho estão no desemprego e quando o filho se suicida em desespero, a família tem que deixar a casa e viver num acampamento, chamado "Kuhle Wampe" ("Barriga Fria", sinônimo de "Barriga Vazia" ou "Fome"). O filme foi proibido pelos Nazis em ascenção.Ficou famoso o diálogo final do filme: "Quem deve mudar o mundo?" pergunta um senhor abastado.

"Aqueles, a quem ele não agrada", responde uma trabalhadora.

A "Canção da Solidariedade" foi cantada inúmeras vezes nas grandes manifestações europeias dos anos '70 e '80 em protesto contra o perigo do armamento nuclear e dos centrais de energia nuclear.

Esta canção faz meu coração lembrar de Zilda Arns que partiu deixando-nos o exemplo de suas ações.


PARA REFLETIR…

“Acima de tudo procurem sentir no mais profundo de vocês qualquer injustiça cometida contra qualquer pessoa em qualquer parte do mundo.É a mais bela qualidade de um revolucionário.” (Che Guevara)
Fonte: Anacruses e ig.

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...